Bacalhau no forno de consoada

O prato de bacalhau típico do Natal (particularmente o cozido com todos, mas também o bacalhau no forno) é provavelmente uma das mais saudáveis maneiras
de cozinhar o bacalhau. No Natal, a utilização do azeite para temperar o bacalhau acrescenta os ácidos gordos essenciais e realça o seu sabor. Contudo, o azeite não deixa de ser uma gordura e como tal o seu consumo deve ser bastante moderado. A couve portuguesa, a cenoura e outros hortícolas presentes nesta receita, acrescentam bra, vitaminas e minerais e poucas calorias, tornando este prato ainda mais equilibrado.
O bacalhau é um fornecedor de proteína, fornecendo também quantidades apreciáveis de vitamina D, vitamina B12, fósforo, potássio, magnésio e selénio. Do ponto de vista nutricional o paloco é igualmente uma excelente opção. À semelhança do bacalhau, é um peixe magro, rico em proteína de grande qualidade, vitaminas e minerais em grande abundância. A diferença encontra-se no preço, sendo o paloco uma opção mais económica.

Bacalhau no forno de consoada

Bacalhau no forno de consoada O prato de bacalhau típico do Natal (particularmente o cozido com todos, mas também o bacalhau no forno) é provavelmente uma das mais saudáveis maneiras de cozinhar o bacalhau. No Natal, a utilização do azeite para temperar o bacalhau acrescenta os ácidos gordos essenciais e realça o seu sabor. Contudo,... Imprimir Receita
Nutrition facts: calories fat
Avaliação 5.0/5
( 1 votos )

Ingredientes

400g Bacalhau

400g Abóbora

400g Couve portuguesa

200g Batata

200g Pimento

60g Coentros

20g Alho

2 colheres de sopa (20g)

Azeite 2 folhas Louro

q.b. Pimenta

q.b. Nos moscada

INSTRUÇÕES DE PREPARAÇÃO

Comece por colocar num tabuleiro o bacalhau, juntamente com a batata, a abóbora, o alho, a couve portuguesa e o pimento tudo em cru.

Adicione o azeite, e tempere com pimenta, noz moscada, folha de louro e metade dos coentros.

Leve ao forno a 220ºC durante 30 minutos, polvilhe com a restante metade dos coentros a fresco e sirva.

Notas

Apesar de demolhado, o bacalhau continua a apresentar quantidades relativamente elevadas de sal, pelo que a adição de sal durante a confeção se torna desnecessária. As ervas aromáticas são excelentes substitutas do sal. De forma a tornar este prato mais económico, poderá substituir o bacalhau por paloco, também conhecido por escamudo. Para o paloco car mais macio e próximo do sabor do bacalhau, este poderá ser demolhado em leite antes de ser confecionado.

 

Related posts

SOPA TORTILHA MEXICANA

Miguel Almeida

Almôndegas de cabrito e legumes

Miguel Almeida

Batata-Doce Recheada com Soja e Legumes

Miguel Almeida